A partir da iniciativa da Funalfa/Prefeitura de Juiz de Fora, MG, em 2011, de realizar o primeiro evento de fotografia, denominado “Foto 11”, a imagem fotográfica passou a ser um item básico no cenário cultural artístico na cidade, despertando o interesse de jovens e de profissionais, que passaram a contar com eventos anuais, como exposições, oficinas e palestras. A criação do Coletivo JF Fotográfico por vários fotógrafos que já participavam dos eventos anteriores, é um exemplo. Com a finalidade de discutir e popularizar a arte fotográfica o Coletivo fez sua primeira atuação pública com a apresentação do Varal Fotográfico em alguns pontos da cidade.

Em novembro de 2018, o coletivo assumiu uma tarefa desafiadora, produzir um festival de fotografia sem financiamento público e com pouco tempo para a organização. Entendendo que a fotografia na cidade já estava dentro da agenda cultural e, considerando que o investimento de tantos anos não poderia ter um retrocesso, o Coletivo JF Fotográfico realizou o 1º Festival de Fotografia de Juiz de Fora com o apoio institucional da Funalfa e da Universidade Federal de Juiz de Fora e participação financeira de seus próprios membros.

Em 2019, o Coletivo JF Fotográfico ganhou o Edital de Ocupação do CCBM/2019, que possibilitou programar 6 exposições no local, além de palestras e oficinas. Com os apoiadores anteriores foi possível alcançar outros espaços culturais, ampliando ainda mais o alcance do festival. Os custos foram divididos entre os membros do Coletivo e as instituições parceiras.

A partir do isolamento social as atividades se reduziram bastante, mas o contato entre os membros permaneceu. Houve tempo suficiente para idealizar uma nova proposta de produção do festival, a exemplo de tantos outros festivais de fotografia pelo país, a partir de aplicativos virtuais que fazem circular as imagens e os conteúdos e atingem um número incontável de pessoas na cidade e fora dela.  Assim como em 2018, os eventos fotográficos foram novamente retomados em 2020 e se tornam mais uma realização do Coletivo JF Fotográfico que, com determinação, oferece o 3º Festival de Fotografia de Juiz de Fora em um formato novo e virtual.

Saudações fotográficas a todos e todas!

 O Coletivo 

Desenvolvido por Thiago Wierman